17/06/2016 17:33

Indústrias do ABCD eliminam 850 postos de trabalho em maio

Por: Iara Voros (iara@abcdmaior.com.br)

Resultado é o menor registrado durante o ano pelas empresas da Região filiadas à Ciesp

Os setores químico, automotivo e alimentício foram os que mais demitiram. Foto: Rodrigo Pinto

O ritmo de desemprego apresenta desaceleração nas indústrias instaladas no ABCD, com queda de 850 postos de trabalho registrada em maio. No mês imediatamente anterior foram cortados 1.150 empregos, e o maior número de cortes durante o ano foi apontado em março, quando 2.500 trabalhadores foram demitidos. É o que revela levantamento do Departamento de Pesquisas e Estudos Econômicos da Fiesp e do Ciesp, divulgado nesta sexta-feira (17/06).

O índice de nível de emprego industrial da Região foi influenciado pelos resultados negativos de diversos setores, entre eles o de veículos automotores e autopeças (-0,50%); produtos químicos (-1,52%); produtos alimentícios (-1%); e produtos de metal, exceto máquinas e equipamentos (-1,04%).

Na comparação entre as cidades, as indústrias de São Bernardo foram as que mais demitiram no quinto mês do ano, com aproximadamente 550 postos de trabalho a menos, puxados pelas empresas do ramo químico, automotivo e alimentício. Em seguida está Diadema, com 350 desligamentos no mês e São Caetano, que apresentou 50 demissões.

Apenas Santo André registrou aumento de 50 trabalhadores na indústria em setores como o de produtos de borracha e material plástico, automotivo e de produtos de metal.

ESTADO

Em São Paulo, a pesquisa apontou queda de 7.500 vagas nas indústrias em maio, o que representa recuo de 0,33% em relação ao mês de abril. De acordo com Moreira, apesar da esperança de que o ritmo das demissões perca força, ainda não será suficiente para que parem as demissões este ano.

“O índice de confiança do empresariado tem melhorado, mas transformar isto em contratações leva um bom tempo ainda, porque o emprego é a última variável a reagir. Primeiro retoma a produção, o investimento, e por último será o emprego”, conclui.


Leia também:

Feirão de crédito atrai mais de 280 micro e pequenos empresários da Região

Evento realizado em São Bernardo disponibilizou R$ 5 bilhões de crédito para capital de giro

Tags:
indústria fiesp ciesp emprego desemprego pesquisa emprego

Compartilhe essa matéria

Deixe seu comentário

Para participar efetue o login, ou cadastre-se
Observação: as opiniões aqui publicadas são de responsabilidade apenas de seus autores. Os números de IP dos responsáveis pelos comentários estarão à disposição de vítimas de eventuais ofensas veiculadas neste espaço.

{{comments.length||0}} comentários