11/01/2017 10:35

Decisão da Justiça também derruba aumento nos intermunicipais

Por: Diego Brito (diego@abcdmaior.com.br)

Cerca de 60 linhas intermunicipais tiveram suspensão do aumento da tarifa nesta quarta-feira

A decisão tomada nesta terça-feira (10/01) pelo presidente do Tribunal de Justiça de São Paulo, Paulo Dimas Mascaretti, de manter a liminar que suspende o aumento da integração entre trens, Metrô e ônibus emitida na última sexta-feira (06/01), também engloba a suspensão do reajuste de 6,81% realizado em aproximadamente 60 linhas intermunicipais da Área 5, que interligam as cidades do ABCD com a Capital. O pedido de revogação partiu da bancada do PT de São Paulo em forma de ação popular, junto à Assembleia Legislativa.

Linhas intermunicipais que passam pela Região tiveram suspensão do aumento da tarifa nesta quarta-feira (11/01). Foto: Andris Bovo

O engenheiro civil Thiago Mil Martignago, 27 anos, utiliza a linha intermunicipal 446, que sai de São Bernardo a caminho da estação de Metrô Saúde. Na manhã desta quarta-feira (11/01), Martignago foi avisado pelo motorista do ônibus que a tarifa tinha abaixado.

"Tenho certeza que daqui a pouco a tarifa vai aumentar novamente. É sempre assim", relatou. A tarifa da linha que o engenheiro utiliza foi reajustada de R$ 3,90 para R$ 4,20 no último dia 7. "Não utilizo o carro para ir ao trabalho porque o estacionamento é muito caro. Mas ser a tarifa continuar aumentando não vai mais valer a pena", disse.

Em nota, a EMTU garantiu que até esta sexta-feira (13/01) todos os coletivos já estarão rodando com o valor correspondente ao último dia 6, data em que a tarifa ainda não tinha sido reajustada. A STM (Secretaria dos Transportes Metropolitanos), ao acatar a decisão judicial, informou que as equipes trabalharam durante toda a madrugada para ajustar o sistema de bilhetagem ao novo valor em regime de mutirão.

A Área 5 possuí ônibus intermunicipais que transitam em Diadema, São Caetano, São Bernardo, Santo André, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra, com exceção do trólebus, que circula pelo Corredor ABD, no qual as tarifas permanecem com o valor de R$ 4,30, reajustado no último domingo (08/01).


Leia também:

Justiça derruba aumento da integração entre ônibus e trilhos na Capital

Decisão mantém valor em R$ 5,92 e beneficia moradores do ABCD que usam transporte em SP

Entenda a situação do aumento das tarifas de transportes no ABCD

Três cidades aumentaram a passagem municipal; Diadema briga contra cobrança de integração

Capital Paulista e ABCD organizam atos contra aumento da tarifa

Dois protestos estão marcados para os próximos dias; integração gratuita em Diadema termina dia 22

Liminar não contempla Diadema e cobrança entra em vigor no dia 22

Decisão da Justiça só vale para Capital; EMTU anuncia nova data para iniciar cobrança pela integração

Tags:
aumento ônibus ônibus intermunicipais tarifa governo do Estado Geraldo Alckmin

Compartilhe essa matéria

Deixe seu comentário

Para participar efetue o login, ou cadastre-se
Observação: as opiniões aqui publicadas são de responsabilidade apenas de seus autores. Os números de IP dos responsáveis pelos comentários estarão à disposição de vítimas de eventuais ofensas veiculadas neste espaço.

{{comments.length||0}} comentários